segunda-feira, dezembro 01, 2014

Por uma pele mais bonita: Peeling

Olá meninas, tudo bem? Hoje eu vim conversar com  vocês a respeito de um assunto que eu particularmente acho muito importante, a nossa pele. Mas especialmente sobre peeling






- O que são peelings 

 Tratamento de pele pelo qual camadas superficiais da pele são removidas, para que a mesma regenere-se naturalmente, dando lugar a uma pele renovada.

Quais são os tipos de peelings?    

Físico, químico e mecânico.

 - Para que servem?

Os peelings são recomendados para o tratamento da acne, manchas (melasma, sardas, manchas de acne), rejuvenescimento e estrias.

Diferença entre eles?

Peeling físico: é aquele que é feito geralmente em casa, ou simplesmente uma esfoliação feito com as mãos ou esponja vegetal. São usados sementes de frutas, microesferas sintéticas ou fubá ou açúcar, estes últimos são os mais utilizados em receitas caseiras, os demais são aqueles que encontramos nas linhas cosméticas. Todos estes esfoliantes têm a mesma função, que é a retirada de células mortas (corneócitos) da epiderme.

Peeling químico: este tipo de peeling é feito somente por esteticista ou médico  dermatologista. O peeling químico pode atingir epiderme e derme, dependendo da concentração e ativo utilizado na formulação. Dentre estes temos os peelings: muito superficial (esteticista), superficial (esteticista), médio (médico), profundo (médico). Os peelings muito superficial e superficial atingem apenas a epiderme, portanto não há sangramento e há uma leve descamação na pele. Os peelings médio e profundo atingem a derme, neste há sangramento, pois atinge a camada da pele que possui vasos sanguíneos, este tipo de peeling é muito usado para melhorar cicatrizes, manchas e principalmente rejuvenescer.

Peeling mecânico: são aqueles feitos através de equipamentos. São realizados por profissionais da estética. Existem os peelings de cristal, de diamante e ultra-sônico.


Cristal: promove uma abrasão, no entanto é superficial. É feito com aparelho que emite um jato de cristais de dióxido de alumínio e ao mesmo tempo suga os resíduos de cristais e células mortas (são duas mangueiras lado a lado). A abrasão depende da pressão exercida pelo profissional, quanto mais expessa a pele do cliente, maior pressão.
Diamante: mesmo resultado do peeling de cristal, porém utiliza somente a caneta com ponteira de “diamante” (na verdade é de quartzo), o aparelho lixa e suga os resíduos de células mortas para dentro do tubo da caneta. A abrasão depende da pressão da sucção do aparelho.  

Ultra-sônico: é o menos agressivo, feito com aparelho que emite corrente elétrica (portanto não pode ser feito por grávidas) e retira as células mortas com o auxílio de espátula e água ( a pele deve ser umedecida), é totalmente indolor.